A tecnologia 4K garante aos usuários uma qualidade de imagem muito superior ao Full HD, porém, não há muitos conteúdo disponíveis com essa tecnologia.

A qualidade de vídeo em 4K vem ganhando destaque nos últimos meses dentro do mercado tecnológico, com as primeiras TVs e até mesmo smartphones a serem vendidos com essa resolução. Porém, será que realmente vale a pena investir seu dinheiro em uma tecnologia que está chegando agora ao mercado?

A tecnologia 4K garante aos usuários uma qualidade de imagem muito superior ao Full HD, resolução máxima que usamos até então, com uma quantidade de pixels muito maior, o que nos permite observar cada detalhe presente na imagem, porém, mesmo com uma qualidade de imagem tão superior é quase certo que hoje ainda não vale a pena investir alto em uma televisão 4K.

O principal motivo não é referente à qualidade da tecnologia, mas sim a quantidade de conteúdo oferecido para ela, algo extremamente restrito nos dias de hoje.

Quem decide investir em uma televisão 4K, acaba por poder desfrutar apenas de alguns vídeos de teste das fabricantes e um ou outro conteúdo encontrado na Internet, embora também escasso. Mesmo as emissoras de TV e as produtoras de cinema ainda não começaram a investir de fato no 4K, o que limita praticamente todo o conteúdo que poderíamos ter com ele, visto que, praticamente todo o conteúdo que assistimos é derivado de Filmes & Séries, emissoras de TV e do YouTube.

Porém, para aqueles que assinam o Netflix, é importante ressaltar que a empresa vem investindo no 4K, já que a série famosa ''House of Cards'', foi gravada inteiramente em 4K. A Rede Globo também vem gravando suas novas novelas em 4K. Grande parte do conteúdo disponível hoje, em 4K, é na realidade apenas uma adaptação para a nova resolução, o que acaba por melhorar a qualidade da imagem vista, mas não se trata de um ''4K real''.

Por outro lado, as televisões 4K consomem cerca de 30% de energia e ainda possuem um sistema de som que chega bem próximo do que vemos atualmente nos Home Theaters, o que pode ser uma grande vantagem para os usuários que optarem por uma TV 4K.

As televisões com essa resolução, porém, ainda estão em sua grande parte, disponíveis apenas com vendedores que importam esses produtos, embora os preços não sejam tão elevados, em comparação com um televisor Full HD. A boa notícia, é que se você optar pelas TVs 4K, possivelmente, passará um bom tempo sem precisar comprar um novo televisor, já que ele se manterá com uma grande qualidade por um bom tempo.

Entretanto, muitas empresas vêm optando por investir em conteúdo Quad HD, abaixo do 4K que conhecemos, mas também com uma qualidade superior ao Full HD, o que pode ser mais um problema para quem optar por uma TV 4K.

O resultado é que, de fato, por enquanto ainda não é um negócio tão vantajoso investir em um televisor 4K, porém, se você optar por comprar um desses dispositivos, tenha em mente que por outro lado, certamente demorará bastante até ter de comprar uma nova TV com tecnologia mais recente.

Por Paulo Henrique

TV 4K

Foto: Divulgação


As Smart TVs são aparelhos de televisão que possuem o acesso à internet.

Atualmente, quando se vai adquirir um televisor ou saber informações a respeito de um, uma das primeiras informações que estão sendo trazidas é que aquele aparelho é uma Smart TV, porém muitas pessoas, nos dias atuais, não sabem sequer o significa este termo e quais são as vantagens de se ter esse tipo de aparelho em casa ou em sua empresa.

As Smart TVs são televisões que além de conter as funções básicas de uma televisão comum, daquelas que todo mundo já conhece, elas também têm uma característica essencial nos dias atuais e que acompanha a evolução do atual momento tecnológico que vivemos, que é o acesso à internet.

Então resumindo, Smart TV são televisores que possuem a capacidade de acessar a internet, também conhecidas por alguns como televisão híbrida, uma vez que por meio do acesso à internet os usuários destas televisões conseguem visualizar tanto a programação convencional das TVs abertas e a cabo, quanto alguns conteúdos oriundos da internet, tais como vídeos, filmes e seriados.

Mas é óbvio que de nada adianta adquirir este tipo de televisão se a pessoa não possui internet ou em casa ou não tenha a intenção de ter, uma vez que para desfrutar de todas as funcionalidades que este tipo de aparelho proporciona, o seu proprietário precisa possuir, obrigatoriamente, um roteador ou qualquer outro tipo de dispositivo que seja capaz de transmitir o sinal de internet via Wi-Fi.

Com o avanço da tecnologia deste tipo de televisor, atualmente, não precisa nem da conexão da internet ser via cabo, pois estes tipos de televisores já estão vindo de fábrica com dispositivos de rede internos que têm a função de detectar o sinal Wi-Fi de internet do ambiente em que elas estão e assim se conectarem.

A grande vantagem de possuir um televisor desse tipo em casa é o fato de que, quando eles estão conectados à rede de internet, dão aos usuários a capacidade de ter acesso a e-mails, Facebook, Youtube bem como diversos aplicativos interessantes, tais como games, aplicativos para assistir filmes online dentre muitos outros mais.

Por Adriano Oliveira

Smart TV da Samsung

Foto: Divulgação


A previsão de chegada ao Brasil é em julho deste ano. Tal feito foi possível pela parceria entre o Google e a Sony.

O Brasil vai receber as primeiras televisões com o sistema operacional Android, agora no mês de julho, graças a uma parceria entre o gigante de buscas Google e a Sony que está apostando no potencial do Brasil para estes modelos de televisões.

Por enquanto, somente através do dispositivo Nexus Player era possível ter acesso à plataforma, mas em breve esta novidade estará disponível para todos os brasileiros.

O modelo ultrafino da Sony oferece a opção Full HD e tem o modelo com imagem 4K com tamanhos de 49" a 75" e os preços variam bastante, de acordo com o modelo da TV, por exemplo, a TV mais básica custará R$ 5 mil que equivale ao modelo Ultra HD de 49". Já o modelo top de linha, com imagem 4K e 75" custará pelo menos R$ 18 mil!

Mas todos os modelos contarão com o processador X1 que é da própria Sony e que é o responsável por garantir tamanha nitidez nas imagens, oferecendo também um número superior de cores e um ótimo contraste.
O sistema operacional Android é bem fácil de ser utilizado e isto é um ponto a mais para que a TV conquiste os brasileiros. O novo Android TV está bem mais enxuto em sua última versão. Em um só lugar o usuário poderá encontrar o "marketplace" do Google Play, além dos serviços que oferecem música e filmes, além de terem acesso ao YouTube e o Google Cast para que o usuário possa transmitir conteúdo multimídia de seu smartphone ou tablet para a TV.

E o Android TV chega ao Brasil com uma grande vantagem, pois já são mais de 120 aplicativos disponibilizados exclusivamente para ele. E diversos desenvolvedores locais estão trabalhando para garantir novos aplicativos para os aparelhos.

A empresa ainda se comprometeu a oferecer atualização para o sistema operacional em até 30 dias, de forma que todos os dispositivos possam ser atualizados dentro deste período.

O Android TV ainda oferece um sistema de busca inteligente que é comandado por voz, é só clicar no botão que se encontra no topo do controle para registrar o comando de áudio que você desejar. Na verdade, este sistema de busca funciona como se fosse uma versão da "Siri", só que para a TV, pois você pode fazer várias perguntas sobre artistas, filmes ou músicas.

As televisões rodando Android TV deverão fazer sucesso por aqui, pois são realmente inteligentes e ágeis, além de contar com um buscador que certamente vai atender a grande maioria dos brasileiros.

Por Russel

Android TV

Android TV

Fotos: Divulgação





CONTINUE NAVEGANDO: