Vendas de ingressos para assistir a Copa em 3D

A boa notícia: estão abertas até o dia 1 de Junho, a venda dos ingressos para assistir aos jogos da Copa em uma das salas da rede Cinemark de sete capitais do brasileiras equipadas com a tecnologia 3D. A má notícia: apenas empresas poderão adquirir os ingressos através de pacotes com no mínimo 50 ingressos ao custo de 200 reais cada.

Aos interessados o endereço para o envio de propostas é www.goldengoal.com.br. Nesse endereço pode se obter mais detalhes sobre o requisitos para conseguir os ingressos.



Embora seja uma oportunidade histórica, a exibição dos jogos em 3D deve ser visto por pouca gente. Aliás, essa notícia de que apenas empresas poderão comprar os pacotes deve frustrar muito os consumidores que aguardavam pela oportunidade de curtir a seleção e uma sala de cinema 3D.

Afinal, como os ingressos serão repassados? Serão doados pelas empresas? Vendidos com ágio? Acho que a iniciativa da Cinemark é uma tremenda bola fora.

Por Maximiliano da Rosa





1 comentário em “Vendas de ingressos para assistir a Copa em 3D

  • Nao viaja max.

    primeiro que o Cinemark nao culpa de nada – eles foram alugados pela Golden Goal para exibir os jogos – como ja ocorre qdo uma empresa fecha uma sala em qq rede de cinema para passar um filme – ou alguma exibicao exclusiva da empresa. no caso eh a COPA 3D. A Golden Goal recebeu os direitos da Globo e vai vender no mercado corporativo q é onde estao os clientes dela. Pra ela nao interessa um “ze mane” qq – ela quer os diretores, Vps, presidentes das grandes companhias para fazer relacionamento. – alias – um dos criterios de escolha é essa – o aporte da empresa q ira comprar o pacote. Lembrando q eles so negociam valores a partir de R$ 22 mil (50 ingressos sem poder escolher a sala – so a cidade) – e as empresas q compram irao repassar os ingressos para CLIENTES – ja q nao podem ser comercializados e nem sorteados – ou seja – o ITAU comprou e convidou o seu time de executivos para ir nos jogos com direito a levar um convidado CLIENTE – por exemplo – o presidente ou diretor de alguma grande companhia – e pronto. É logico q nesse meio vai ter os negocios corporativos e tb os “favores” – com filhos de amigos sendo convidados. Um cliente meu paga todo mes R$ 30 mil para minha empresa realizar um jantar/happy hour com a equipe de servicos de uma grande empresa de varejo. La temos q convidar 30, 40 pessoas todo mes, mais a equipe do cliente. Para Junho ao inves do jantar estamos tentando a contratacao dos jogos. é um investimento certo. porem, a gente diz q o minimo sao 22 mil, mas na verdade em caso de empate serao considerados tb o volume financeiro – ou seja – dificilmente alguem conseguria contratar por 22 mil – ja q eh o valor minimo – no minimo serao necessarias 2 cotas, indo para 44..

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *