Nova TV Sony Bravia XR com Resolução 4K e 8K



Nova linha premium de smart TVs chega com chip de Inteligência Cognitiva.

A marca japonesa Sony anunciou na primeira semana do mês de janeiro deste ano, sua nova linha Brava XR de Smart TVs que são incríveis. Elas possuem resoluções de tela de 4K e 8K, eles possuem um processador XR que reforça as suas características, aplicando-lhes um diferencial denominado de “inteligência cognitiva” e é semelhante ao modo como nosso cérebro trabalha. Essa linha da Sony é parte integrante que estamos presenciando na CES 2021, contudo, não poderá ser lançada aqui no Brasil, visto que a fabricante tomou a decisão de se retirar de nosso país.

Essa linha possui as credenciais premium de seus produtos, que são devidamente melhoradas através de uma tecnologia ímpar, como por exemplo, o HDMI 2.1, 120 Hz nos modelos 4K, que possuem ainda o VRR e ALLM, que se constituem em inovadores e relevantes recursos da linha para os que desejam investir em consoles de última geração. A fabricante ainda não revelou o preço destes lançamentos para o mercado internacional em que irá comercializar esses produtos.



A linha possui esses dois modelos mencionados acima, 4K e 8K, que possuem tecnologia LED. O modelo 4K oferece também as telas OLED e sua série master terá televisores com as opções de tela nos tamanhos 83”, 65” e 55” para a master série A90J e tamanhos de tela de 77”, 65” e 55” para a master série A80J. Os modelos da versão 4K LED são X95J e X92J, que não possuem a denominação Master series. Já os modelos 8K são denominados de Master Series Z9J e pode-se escolher entre os tamanhos de 85 e 75 polegadas.

Leia também:  Samsung lançou nova TV com resolução 4K e tela flexível

Inteligência Cognitiva

Sem levar em consideração o tamanho da tela e da tecnologia do display, existe características comuns em toda essa linha de televisores, tais como a presença do processador XR, que apresenta a característica de possuir a “inteligência cognitiva”, os suportes e entrada HDMI 2.1 e 120 Hz presentes nas TVs 4K de LED, e ainda o som que é direcional com o sistema operacional da Google TV.



A fabricante revelou que o novo processador XR que vem trançando em paralelos de maneira semelhante ao cérebro humano, funcionam com a inteligência artificial e são limitadas à um estudo de traços tais como cor, contraste e brilho da imagem para melhor aprimoramento, que implica em uma melhor imagem final.

Com relação ao novo processador XR, leva em consideração o contexto e particiona a tela em zonas. Após isso, leva-se em consideração o ponto focal mais relevante da imagem que está sendo exibida e é detectada pelo processador, que cruza os dados conforme o contexto, considerando a imagem e o som.

Esses modelos apresentam outra similaridade que permeia toda a linha Bravia XR, que é a oferta do sistema operacional Google TV, que é a plataforma para TVs do Google que está sendo utilizado em substituição ao Android TV e nos fornece uma experiência inovadora de forma análoga ao novo Chromecast. E em se tratando de som, a Sony anunciou ainda que esses modelos possuem a capacidade de emitir sons direcionais, para posicionarmos a saída de áudio conforme a imagem, o que nos proporciona uma experiência imersiva.

As versões

De maneira distinta e indiferente ao tamanho da tela, a tecnologia do display existente no processador XRatua da mesma forma que o cérebro humano funciona. Esses processadores com inteligência artificial são determinantes e se padronizam à análise de traços como dissemos anteriormente de cor, contraste e brilho da imagem mostrada na tela, com o intuito de uma melhor resolução final na tela.

Leia também:  Sharp Aquos Ultra LED HDTV - Nova TV com 4K e tela de 70 polegadas

Além dos modelos de 8K, da Master série, a Sony possui o modelo da versão 4K com LED ou OLED de 120 Hz. O modelo da Master série 8K também vem nas versões LED e OLED.

O processador XR

Com relação ao processador XR, ele trabalha com o contexto sendo todo dividido em zonas na tela. Após isso o ponto focal que é algo extremamente relevante na imagem, é detectado por esse processador que realiza o cruzamento das informações de maneira a poder trabalhar todo o contexto, levando em consideração a imagem e o som.

Autor: Rogério A. Rocha

Próximo Post

Não há mais posts

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *