Saiba aqui quando o sinal da TV Analógica será desligado em Salvador (BA).

A TV Analógica está prevista para ser desligada em Salvador-BA a partir do dia 27 de setembro de 2017, outras 19 cidades da Região Metropolitana também perderão o sinal. Porém, para que essa previsão seja cumprida, é preciso que o índice de famílias que tenham acesso a essa teconologia digital seja maior do 93% da população. Hoje, já são 86% das casas na Capital Baiana que possuem acesso ao sinal digital, de acordo com a Agência Nacional de Telecomunicaçãoes (Anatel).

O presidente da Anatel esteve em Salvador no dia 30 de agosto e deu uma entrevista coletiva para esclarecer o assunto. Segundo ele, seria ideial que fosse 100 % das residências com acesso ao sinal digital. Mas para que o sinal analógico seja retirado, é preciso que 93% das casas tenham condicões de receber o sinal digital. A determinação é ministerial e um cronograma foi elaborado e suas metas devem ser cumpridas. As emissoras de TV já sabiam da transição e já estão se preparando e investindo em novas tecnologias para mudança há um tempo. Muitos lugares no Brasil ainda não tem o sinal digital, a mundança em todo o país segue um conograma.

Os aparelhos antigos de TV precisam de uma nova adapção para que continuem funcionando e veiculando as programações locais, é preciso a instalação de um conversor digital, o conversor precisa estar ligado em uma antena e na TV. A Anatel tem feito a distribuição de kits para que o sinal digital chegue a todos e facilite o acesso, a distribuição é feita de forma gratuita. Para ter acesso a esse kit, é preciso que a família participe de algum programa social do governo federal, como os programas minha casa minha vida e o bolsa família.

Outra instituição que está apoiando esse projeto de transição é a instituição Seja Digital, sem fins lucrativos, ela foi criada para assessorar as comunidades e dar apoio à população durante o período de transição. Antônio Martelleto, presidente da Seja Digital, explicou que na região metropolitana e na capital Salvador, já foram alcançados 80% das famílias que tinham direitos aos kits gratuitos. Segundo ele, mais de 400 mil famílias já receberam os kits para a digitalização nas últimas semanas, é uma situação otimista. A instituição trabalha com os 20% restantes que faltam para o dia 27 de setembro. A Seja Digital está trabalhando dia e noite para que a meta seja alcançada.

Outro ponto reforçado pelo presidente foi que é importante que as famílías coloquem os equipamentos que já captam o sinal digital para funcionar. Só assim, as pesquisas de levantamento das residências conseguirá alcançar o índice de 93% e assim poderá ser realizada a transição no dia 27.

Várias outras cidades perto da capital também terão o sinal analógico fora do ar previsto para o dia 27. Entre elas estão: Terra nova, Madre de deus, Salinas de Margarida,Dias D’Avila, Aratuípe, Camaçari, Cairu, Candeias, Jaguaripe, Lauro de Freitas, São Sebastião do Passaé, Vera Cruz, Santo Amaro, São Franscisco do Conde, Saubara e Simões Filho.

Calcula-se que 1,45 milhão de residências na região metropolitana baiana das cidades citadas, façam a transição para o sinal digital. Outras capitais do nordeste como Fortaleza, também tem previsão para fazer a mudança para o sinal digital na mesma data. A previsão é que até Novembro de 2018, todas as capitais do país tenham feito a mudança do sinal analógico para o digital. Os restantes dos municípios brasileiros que estão mais afastados das capitais, tem previsão para mudança de sinal apenas em 2023. O sinal digital possui uma melhor qualidade de imagem e som , e oferece um serviço melhor as famílias. Todas as famílias brasileiras que são cadastradas nos programas sociais do governo terão direito aos equipamentos de forma gratuita.

Samuel Perpétuo





CONTINUE NAVEGANDO: