Confira dicas de como transformar uma TV de tubo em uma TV inteligente.

A tecnologia não evoluiu somente termos de aparelhos ou demais estruturas funcionais. A tecnologia está permitindo adaptações fantásticas na vida cotidiana.

Há gente talentosa que estuda sobre TVs que possuem entrada HDMI, entrada USB e um sistema operacional, com Wi-Fi, as quais muitas vezes têm sacadas geniais do tipo: Como instalar esses dispositivos em uma TV de tubo? Este artigo aborda exatamente essa possível transformação de uma TV de tubo em uma TV inteligente, de modo barato e fácil.

Existe um tipo de segredo chamado "adaptador AV/HDMI", que consiste, basicamente, em um dispositivo adaptador para saída AV de uma televisão mais velha, ou seja, aquela que utiliza cabo triplo, de cor vermelha, cor branca e cor amarela, em uma saída de tipo HDMI. Deste modo, juntando a isso mais alguns componentes básicos e fáceis de encontrar, o consumidor poderá estabelecer conexão entre dispositivos como o Chromecasts e o set-top boxes a uma velha TV.

O procedimento de conexão de um Chromecast a uma TV de tubo é o seguinte:

Dispor de um dispositivo Chromecast; de uma TV de tubo; de um carregador de celular tipo Android, junto a um cabo micro-USB; de um adaptador tipo AV/HDMI, e de um cabo AV.

O método começa assim: localizar, na velha TV de tubo, a entrada AV, e ligar o cabo AV nesta mesma TV. São três entradas de conexão: uma branca, uma vermelha e uma amarela. Será necessário conectar cada cabo em sua cor correspondente; já na outra extremidade do mesmo cabo, será necessário encaixar o adaptador tipo AV/HDMI.

O passo seguinte é: ligar o dispositivo Chromecast na porta de tipo HDMI do adaptador. Este dispositivo estará pronto para enviar o sinal preciso à TV, entretanto, outro detalhe será necessário: a energia. É neste ponto que entra o dispositivo do carregador de celular micro-USB. Será preciso conectá-lo a uma tomada mais próxima, conectando a outra extremidade à parte traseira do Chromecast.

Muitos adaptadores tipo AV/HDMI necessitam, também, de energia. Neste caso, será de grande utilidade dispor de um carregador de celular que possa ser conectado na parede, portando, em sua estrutura, duas saídas de USB. Com dois cabos, será possível ligar o Chromecast e o adaptador em uma mesma tomada.

Assim que todo o aparato estiver ligado, será necessário utilizar o controle da TV velha para ser possível selecionar a entrada AV. Quando esse procedimento for realizado, a imagem do Chromecast aparecerá na seleção. Deste modo, será possível utilizar o celular para transmitir alguns vídeos do Youtube; da Netflix ou mesmo de outros aplicativos de mesma natureza.

Outra alternativa é a seguinte:

Conexão de set top box a uma TV AV. Será necessário uma TV de tubo; um set top box; um Adaptador AV/HDMI; um cabo AV; um cabo HDMI; um carregador de celular micro-tipo USB.

Será necessário conectar um cabo AV na própria entrada AV da velha TV de tubo. Muito cuidado ao encaixar os cabos nas suas conexões correspondentes, respeitando as cores. O passo seguinte será encaixar os cabos na outra extremidade do adaptador. Assim que esse passo for realizado, será necessário conectar o cabo HDMI, ou seja, conectar uma extremidade dele ao adaptador e a outra diretamente à set top box.

O passo seguinte será ligar a set top box diretamente a uma tomada, para que a mesma funcione. Em caso de o adaptador precisar de energia, será preciso garantir que haja espaço na tomada para ele. Se for necessário, poderá ser utilizada uma régua ou um Benjamin. Deste modo, será possível conectar ainda mais aparelhos ao mesmo set top box, exatamente como em um console de videogame, o que pode dar ainda mais recursos à velha Tv de tubo.

Por Paulo Henrique dos Santos

Transformar TV tubo em SmartTV


A tecnologia 4K garante aos usuários uma qualidade de imagem muito superior ao Full HD, porém, não há muitos conteúdo disponíveis com essa tecnologia.

A qualidade de vídeo em 4K vem ganhando destaque nos últimos meses dentro do mercado tecnológico, com as primeiras TVs e até mesmo smartphones a serem vendidos com essa resolução. Porém, será que realmente vale a pena investir seu dinheiro em uma tecnologia que está chegando agora ao mercado?

A tecnologia 4K garante aos usuários uma qualidade de imagem muito superior ao Full HD, resolução máxima que usamos até então, com uma quantidade de pixels muito maior, o que nos permite observar cada detalhe presente na imagem, porém, mesmo com uma qualidade de imagem tão superior é quase certo que hoje ainda não vale a pena investir alto em uma televisão 4K.

O principal motivo não é referente à qualidade da tecnologia, mas sim a quantidade de conteúdo oferecido para ela, algo extremamente restrito nos dias de hoje.

Quem decide investir em uma televisão 4K, acaba por poder desfrutar apenas de alguns vídeos de teste das fabricantes e um ou outro conteúdo encontrado na Internet, embora também escasso. Mesmo as emissoras de TV e as produtoras de cinema ainda não começaram a investir de fato no 4K, o que limita praticamente todo o conteúdo que poderíamos ter com ele, visto que, praticamente todo o conteúdo que assistimos é derivado de Filmes & Séries, emissoras de TV e do YouTube.

Porém, para aqueles que assinam o Netflix, é importante ressaltar que a empresa vem investindo no 4K, já que a série famosa ''House of Cards'', foi gravada inteiramente em 4K. A Rede Globo também vem gravando suas novas novelas em 4K. Grande parte do conteúdo disponível hoje, em 4K, é na realidade apenas uma adaptação para a nova resolução, o que acaba por melhorar a qualidade da imagem vista, mas não se trata de um ''4K real''.

Por outro lado, as televisões 4K consomem cerca de 30% de energia e ainda possuem um sistema de som que chega bem próximo do que vemos atualmente nos Home Theaters, o que pode ser uma grande vantagem para os usuários que optarem por uma TV 4K.

As televisões com essa resolução, porém, ainda estão em sua grande parte, disponíveis apenas com vendedores que importam esses produtos, embora os preços não sejam tão elevados, em comparação com um televisor Full HD. A boa notícia, é que se você optar pelas TVs 4K, possivelmente, passará um bom tempo sem precisar comprar um novo televisor, já que ele se manterá com uma grande qualidade por um bom tempo.

Entretanto, muitas empresas vêm optando por investir em conteúdo Quad HD, abaixo do 4K que conhecemos, mas também com uma qualidade superior ao Full HD, o que pode ser mais um problema para quem optar por uma TV 4K.

O resultado é que, de fato, por enquanto ainda não é um negócio tão vantajoso investir em um televisor 4K, porém, se você optar por comprar um desses dispositivos, tenha em mente que por outro lado, certamente demorará bastante até ter de comprar uma nova TV com tecnologia mais recente.

Por Paulo Henrique

TV 4K

Foto: Divulgação


As Smart TVs são aparelhos de televisão que possuem o acesso à internet.

Atualmente, quando se vai adquirir um televisor ou saber informações a respeito de um, uma das primeiras informações que estão sendo trazidas é que aquele aparelho é uma Smart TV, porém muitas pessoas, nos dias atuais, não sabem sequer o significa este termo e quais são as vantagens de se ter esse tipo de aparelho em casa ou em sua empresa.

As Smart TVs são televisões que além de conter as funções básicas de uma televisão comum, daquelas que todo mundo já conhece, elas também têm uma característica essencial nos dias atuais e que acompanha a evolução do atual momento tecnológico que vivemos, que é o acesso à internet.

Então resumindo, Smart TV são televisores que possuem a capacidade de acessar a internet, também conhecidas por alguns como televisão híbrida, uma vez que por meio do acesso à internet os usuários destas televisões conseguem visualizar tanto a programação convencional das TVs abertas e a cabo, quanto alguns conteúdos oriundos da internet, tais como vídeos, filmes e seriados.

Mas é óbvio que de nada adianta adquirir este tipo de televisão se a pessoa não possui internet ou em casa ou não tenha a intenção de ter, uma vez que para desfrutar de todas as funcionalidades que este tipo de aparelho proporciona, o seu proprietário precisa possuir, obrigatoriamente, um roteador ou qualquer outro tipo de dispositivo que seja capaz de transmitir o sinal de internet via Wi-Fi.

Com o avanço da tecnologia deste tipo de televisor, atualmente, não precisa nem da conexão da internet ser via cabo, pois estes tipos de televisores já estão vindo de fábrica com dispositivos de rede internos que têm a função de detectar o sinal Wi-Fi de internet do ambiente em que elas estão e assim se conectarem.

A grande vantagem de possuir um televisor desse tipo em casa é o fato de que, quando eles estão conectados à rede de internet, dão aos usuários a capacidade de ter acesso a e-mails, Facebook, Youtube bem como diversos aplicativos interessantes, tais como games, aplicativos para assistir filmes online dentre muitos outros mais.

Por Adriano Oliveira

Smart TV da Samsung

Foto: Divulgação


Chegará ao Brasil o novo modelo de TV da Panasonic. O modelo TC-65AX900B é o mais novo lançamento da marca para o território brasileiro. Ele entrará no mercado nacional para competir por uma fatia do mercado de televisões 4K. Por mais que este setor não tenha produtos acessíveis à grande parcela da população, ele está registrando constante crescimento e demanda por novidades. O aparelho foi lançado em setembro de 2014 durante o IFA em Berlim. A TV 4K da Panasonic possui imagem 3D e uma tela de 65 polegadas. O preço deste dispositivo será de R$ 22.000.

De acordo com a companhia, a TV deve ingressar no mercado brasileiro ainda neste mês, tanto em lojas físicas quanto virtuais.

No modelo TC-65AX900B foi adicionado um certificado especial, ele afirma que a imagem reproduzida pela TV deve ser parecida à de salas de cinema. A resolução é quatro vezes maior que a de uma TV Full HD.

A nova TV 3D Ultra HD da Panasonic possui processador quad-core, comando de voz, sistema de perfis My Stream que possibilita a personalização do conteúdo para cada usuário, conta com a tecnologia Local Dimming Ultra que fornece um painel com mais cores e brilho mais intenso. Esta tecnologia também é responsável por reflexos precisos, tons de cores mais bem reproduzidos e acentuação da cor preta.

A TV possui um recurso chamado Info Bar o qual mostra informações do dia a dia de forma rápida através de um sensor de proximidade. Para usar este recurso não é necessário que o usuário ligue a TV.

A Panasonic apresenta este novo modelo como top de linha, apresentando inúmeras funções interessantes, um design elegante e contando com a última tecnologia de imagem Ultra HD 4K.

Mesmo sendo um aparelho caro para a maior parte das pessoas, a fabricação da nova TV 4K da marca faz parte da estratégia de empresa de buscar novos nichos de mercado e cativar um público mais específico.

Por Melina Menezes

TV 4K de 65 polegadas da Panasonic

TV 4K de 65 polegadas da Panasonic

Fotos: Divulgação


Você já ouviu falar sobre televisão inteligente? Diferente do que muitos pensam ela não é simplesmente uma televisão conectada à internet. Porém, há alguns itens a serem esclarecidos em relação às suas funcionalidades.

De início, é possível informar que uma TV inteligente não possui a mesma liberdade que um computador oferece, mesmo quando conectada à internet. Afinal, ela foi desenvolvida visando entretenimento, não qualquer atividade produtiva. A inteligência deve ser vista como uma funcionalidade. É possível utilizar apenas os aplicativos que já vieram com ela ou foram comprados na “loja” do fabricante. A quantidade e o tipo dos apps dependem da marca e modelo da televisão.

Apps como Skype, Picasa e Youtube são praticamente obrigatórios. Boa parte das TVS oferece acesso ao conhecido serviço Netflix, que disponibiliza uma série de documentários, filmes e séries (há um custo mensal para o serviço). Um número limitado de jogos também está disponível, e redes sociais como Twitter e Facebook também estão entre as opções de acesso. Sites de notícias também são comuns entre as opções disponíveis.

Há modelos que dispõem de um programa navegador que facilita muito a possibilidade de conectar também outros sítios da rede. Porém, a parte negativa diz respeito ao teclado, quem pretende utilizar a televisão inteligente para fazer comentários em redes sociais, checar e responder e-mails pode encontrar dificuldades, afinal, a TV oferece apenas a possibilidade de digitar através da combinação contida no controle remoto e teclado virtual. No entanto, caso o usuário necessite da TV para isso, a melhor opção é adquirir o produto que tenha possibilidade de conectar teclado e mouse sem fio.  

Crescimento da televisão inteligente:

Um relatório elaborado pela empresa de consultoria Gartner, em dezembro de 2012, terá um gigante avanço até 2016. Enquanto em 2012 eram produzidos 69 milhões de aparelhos ao ano, em 2016 será  198 milhões. Cada fabricante terá que oferecer recursos que chamem ainda mais atenção do consumidor, pois a oferta de venda será significativamente maior.   

Por Rafaela Fusieger

TV inteligente

Foto: Divulgação


Hoje temos muitas formas de encontrar uma notícia. Em qualquer momento e em qualquer local que estivermos. O que importa é ficar bem informado. Vale também se divertir, com um bom seriado, um bom filme, um vídeo engraçado, uma foto legal, uma rede social, enfim, qualquer coisa que nos distraia.

Antigamente a TV era responsável por isso, hoje perdeu espaço. Mas se engana quem acha que eu iria dizer que perdeu muito espaço, porque não é verdade. Ela continua na ativa e de forma muito mais completa. As vendas de televisores novos e cada vez maiores e mais finos crescem a cada dia. E pode ter certeza, elas são responsáveis pelo aumento de vendas no número de celulares. Ainda são um dos mais eficazes meios de propagandas existentes. A televisão virou um verdadeiro computador na sala de casa, com a ampla vantagem de ter uma tela quase sempre muito maior que os tradicionais PC´s e certamente maiores que notebook, tablets e smartphones.

Pode-se hoje jogar online, acessar o Facebook e outras redes sociais, tudo pela TV. Mas ela não cabe no bolso. Precisa de espaço e pouca mobilidade (senão quebra). Por isso temos hoje no bolso um smartphone, que divide com a televisão a função de transmitir. E cabe no bolso. Se bem que muitos modelos andam ficando difíceis de guardar num bolso pequeno, é melhor sair de casa com um jaleco de médico, cujos bolsos eles com certeza cabem.

Nesse final de ano, está previsto pelos sindicatos de comerciantes um aumento de 4% nas vendas de TV e 18 % nas vendas de smartphones. Venderão mais porque cabe no bolso, porque preço não é problema. Smartphones top de linha custam mais do que modernas TV completas com telas de 42”. Pois é, tamanho não é documento. Se esses números de aumento de vendas de telefones se confirmarem, em pouco tempo teremos quase dois aparelhos por habitante no Brasil. 

Por Luciana Viturino

Smart TV

Foto: Divulgação

 


Que tal assistir aos jogos da Copa do Mundo em uma televisão de 55 polegadas e com tecnologia inédita? A Sony lançou um novo modelo de TV de 55 polegadas Full HD, conhecida como W955. Ela contempla um sistema que é inédito no país: a tecnologia X-tended Dynamic Range, que tem a função de melhorar a imagem e fornecer mais detalhes durante as transmissões. Assim, os jogos da Copa vão poder se visualizados com mais emoção e nitidez pelos amantes esportivos.

A nova tecnologia presente na televisão proporciona um aumento de duas vezes do brilho, se for comparado com uma televisão tradicional. Desta forma, a pessoa vai conseguir ter acesso a uma imagem mais realista e muito mais nítida. Além disso, essa nova televisão da Sony também tem o processador X- Reallyti Pro, que diminui os ruídos e propicia um amento no ganho da qualidade.

O modelo W955 também conta com uma tecnologia denominada Triluminus, que reproduz cores com mais precisão do que uma televisão comum. Gostou de conhecer todos estes recursos? Então, vai adorar essa novidade da TV da Sony também: ela tem Motionflow XR 480 Hz, que tem a capacidade de reproduzir um quadro oito vezes mais que uma TV tradicional. Assim, a imagem fica mais nítida e com menos rastros.

Para curtir os jogos da Copa, o usuário vai ter acesso a um recurso exclusivo: Modo Futebol. Ele permite cortar a narração durante os jogos, por exemplo. Além disso, devido à presença desta funcionalidade a pessoa vai ter sempre disponível os melhores momentos dos programas de futebol, reportagens, entrevistas, entre outros.

O design da Televisão da Sony também chama a atenção, que é em modelo Wedge, gerando uma economia de espaço de até 20% de uma televisão normal da mesma tela. O aparelho ainda tem recursos de conectividade. A expectativa é que o preço médio da televisão seja em torno de R$ 8.999,00

Por Babi

Sony W955

Foto: Divulgação


Inúmeras tecnologias vêm sendo apresentadas para suprir as necessidades capitalistas da população. Uma delas é a Televisão 4K,  uma nova geração de televisões que são flexíveis, maiores que as demais que, até então, que foram feitas pelos mesmos fabricantes, com melhor resolução devido a maior quantidade de pixels e possuem telas curvas.

O preço para levar este novo aparato para sua sala custará cerca de R$ 25.000 a R$ 60.000, e, com até 100 polegadas, a sensação que se tem é de estar presente em uma verdadeira sala de cinema, devido ao seu também tecnológico sistema sonoro.

Essas novas televisões vêm com a função de substituir os aparelhos de LCD e 3D (formato 3D que, aliás, não foi um sucesso de vendas). Por ser uma novidade no mercado, muitas pessoas desejarão tê-la.

Possuindo cores mais vibrantes, fortes contrastes entre claro e escuro, a sensação que se tem ao assistir um vídeo que os fabricantes transmitem, através das novas televisões, demonstrando seus produtos, é de que abriu-se alguma janela e se esta olhando diretamente para a imagem a qual está sendo reproduzida.

Esses novos televisores, além de suas curvas, contarão com um botão em que, ao ser pressionado, as extremidades do aparelho se envergam para frente ou para trás, causando uma sensação de maior realidade para as imagens, além de os olhos se adaptarem melhor, como afirmam seus fabricantes.

A Samsung e a LG apresentaram seus modelos de novos televisores, com tecnologia avançada, na última feira CES (Consumers Electronics Show), realizada em Las Vegas, EUA.

A CES consiste em uma exposição em que os principais fabricantes tecnológicos do mundo se reúnem para apresentar seus produtos à população.

Uma tecnologia incrível, porém, devido ao luxuoso preço, a aquisição de uma televisão de tecnologia de ponta, como a 4K, será bem restrita.

Por Danilo Lacalle

TV 4K

Foto: Divulgação


Não é novidade que a TV 3D não está em seus melhores dias. Após o grande lançamento e um preço abusivo, as vendas caíram gradativamente juntamente com o preço. As televisões que custavam entre R$ 7.000 e R$ 10.000 podem ser encontradas atualmente no mercado por R$ 3.000.

Essa falta de sucesso se deu devido a alguns fatores, como a pouca procura para comprá-las, dentre outras coisas.

Hoje em dia, já temos uma tecnologia superior a essa, chamada de 4K, que são televisões que prometem transmitir em uma resolução 4 vezes melhor do que as conhecidas Full HD e essa ideia surgiu basicamente com a Sony, que visava o mercado brasileiro e a Copa para isso, porém, o preço dessa televisão não é nada barato, a de 55 polegadas sairá por mais ou menos R$ 19.000. Há a promessa de ter transmissão simultânea, ao vivo dos jogos, já que, a Sony irá instalar uma sequência de 360 câmeras nos 12 estádios para obter esse resultado sem decepcionar o consumidor e o fã em futebol.

O projeto da TV, que foi inicialmente iniciado no segundo semestre de 2013, já está disponível no Brasil e também está começando a ser produzido por outras empresas como a LG e a Samsung, que trazem outras inovações como telas curvas e flexíveis (telas em que você aperta um botão, as extremidades se envergam e “voilá", a TV que antes era de plasma fica curva), que foi apresentado recentemente como protótipo e com a ideia de ser idealizado.  

As televisões estão disponíveis para compras online em sites como o das Americanas (www.americanas.com.br ); Fnac (www.fnac.com.br ); Saraiva (www.livrariasaraiva.com.br); entre outros. Entretanto, elas não saem por menos de R$ 10.000.

Atenção: até o momento, só estão disponíveis no mercado brasileiro as televisões produzidas pela Sony.

Por Mariana Caetano

TV 4K da Sony

Foto: Divulgação


Em janeiro, Las Vegas recebeu mais de 3 mil pessoas na CES (Consumer Eletronics Show), uma feira anual que reúne as principais apostas do mercado de tecnologia. Entre elas, a primeira OLED TV 3D de alta definição com tela curva.

A novidade no mercado das Tvs foi anunciada em abril pela companhia sul-coreana, que iniciaria a comercialização dos primeiros televisores em breve. Dois meses mais tarde, a ideia é que as televisões curvas estão bem próximas das prateleiras.

Através de um comunicado à imprensa, publicado no site Korea Newswire, o primeiro lote do modelo 55 polegadas já foi produzido, sendo comercializado dentro de poucos dias.

A OLED HDT curva da LG é levíssima e pesa apenas 17 kg, além de possuir poucos 4,3 milímetros de espessura. O preço da novidade não é tão atrativo quanto às tecnologias apresentadas. Anunciado na CES a US$ 13.500,00 (equivalente a R$29.000). O produto deve encarecer ainda mais devido aos impostos e taxas de importação brasileira.

O informe no site Korea Newswire não informou sobre a implantação da nova TV curva nos mercados ocidentais, principalmente nos Estados Unidos e na Europa.

Por Marcos Junior


O mercado da tecnologia está cada vez mais competitivo e por isso causou a queda de nomes importantes e tradicionais como Panasonic, Sharp e Sony.

Isto é comprovado pela expectativa de prejuízos destas empresas para o ano de 2012.

De forma mais específica, a Sony terá uma perda de mais de 170 milhões de dólares, a Sharp irá ficar no vermelho em 5,2 bilhões de dólares enquanto a Panasonic irá amargar um déficit em suas contas de 8,9 bilhões neste ano que está terminando.

Esta situação problemática ocorre pela necessidade destas empresas mudarem a sua organização interna de fabricantes de hardwares para produtoras de softwares e seus conteúdos como a Apple.

Para isso, as empresas japonesas estão passando por programas profundos de reestruturação com cortes de aproximadamente 10.000 funcionários em cada uma delas para evitar a falência.

Por Ana Camila Neves Morais


A Toshiba divulgou nesta semana que está desenvolvendo uma televisão que irá revolucionar o mercado deste tipo de aparelho.

Isso porque, segundo a empresa, esta nova televisão terá um sensor de imagem com uma resolução de 20 megapixels para suas câmeras digitais.

Segundo a Toshiba, os chips CMOS deste novo televisor poderão capturar de uma só vez até 30 quadros por segundo além de poder gravar vídeos em 60 frames por segundo sendo, assim, a TV com a mais alta resolução no mercado.

A produção do aparelho deve ser iniciada no Japão em agosto de 2013 com a liberação de 300.000 unidades por mês.

Por Ana Camila Neves Morais


A Sony apresentou nesta semana mais um lançamento de televisor e a novidade do momento são as televisões XBR-84X905 e XBR-65HX955

O primeiro modelo possui uma tela de 84 polegadas com resolução 4K e a segunda televisão possui uma tela com 65 polegadas, sendo que ambas usam a tecnologia LED-LCD.

As inovações criadas para estas novas televisões são diversas como o Intelligent Peak LED que consiste em um sistema de retroalimentação o qual ilumina toda a tela, o MotionFlow que diminui os rastros da imagens além da plataforma Smart com acesso a streaming de conteúdos variados.

Todas estas funcionalidades presentes nos novos televisores da Sony podem ser obtidos por valores iniciais de R$14.999.

Por Ana Camila Neves Morais


A Samsung apresentou o seu mais novo lançamento para o mercado brasileiro: a Smart TV ES9000.

Dentre as características interessantes deste modelo estão uma super tela de LED com 75 polegadas, 7,9 milímetros de espessura, imagem em Full HD, processador do tipo dual-core, som Dolby Digital e entradas variadas para Ethernet, HDMI e USB além do acesso por sensores de movimento e voz.

Dentre os acessórios interessantes deste modelo de televisão estão o ConnectShare, Smart Touch Control, Shift, óculos Active Glasses 3D e Picture in Picture.

Além disso, é possível atualizar a Smart TV ES9000 com tecnologias recentes por meio do Kit Smart Evolution o qual quando é trocado reestrutura toda a televisão sem a necessidade de substituição.

Todas estas impressionantes possibilidades em uma televisão já podem ser adquiridas pelos apaixonados por tecnologia com preços a partir de R$26 mil nas lojas especializadas em eletrônicos de todo o Brasil.

Por Ana Camila Neves Morais


Diversos estudos tem sido feitos para compreender o movimento da população que está criando um aumento nos assinantes de TV paga que são integrantes da classe C brasileira.

As pesquisas realizadas são feitas para identificar as principais características desse novo público, e, assim, identificar seus hábitos e gostos primordiais.

Segundo a Discovery no Brasil, estes novos usuários da televisão paga possuem, em média, apenas um ponto em casa e reúnem a família para assistir aos programas disponíveis com um interesse maior por programas de curiosidades e do mundo animal.

Além disso, os assinantes da classe C demandam uma maior quantidade de séries, filmes e programas estrangeiros.

Por Ana Camila Neves Morais


O setor televisivo tem mais um grande acordo sendo finalizado, pois a Discovery divulgou nesta última sexta-feira – dia 14 de dezembro de 2012 – que fechou um acordo para comprar a SBS Nordic.

Com esse negócio, a Discovery fica responsável por cerca de 12 redes de televisão em países nórdicos como a Suécia, Finlândia, Noruega e Dinamarca.

A transação entre as duas redes de televisão ficou em um valor de US$1,7 bilhões além de cerca de US$1 bilhão destinado pela Discovery para a recompra de ações da SBS Nordic.

A finalização deste negócio milionário depende ainda da aprovação dos governos locais e tem uma previsão de estar concluído nos primeiros meses de 2013.

Fonte: Valor Online

Por Ana Camila Neves Morais


As tecnologias utilizadas para a imagem das televisões em todo o mundo se aprimoram a cada momento como as telas em LCD e OLED.

Com o surgimento desta última que pode ser usada em telas mais leves e finas estava certa a aposentadoria de aparelhos com LCD, certo?

Errado. A LCD não apenas está resistindo à concorrência como está também oferecendo uma qualidade de imagem melhor.

Isso ocorre devido ao preço elevado de dispositivos com a tecnologia OLED, com preços a partir de R$10.000, que dificulta a sua popularização no país.

Por isso, a tecnologia LCD, presente em 90% dos televisores na atualidade, deve permanecer ainda um bom tempo no mercado em decorrência de sua imagem melhor e menor consumo de energia do que os aparelhos com OLED.

Assim, analistas do setor de eletrônicos prevêem um período de pelo menos quatro anos para uma maior popularização das telas com OLED.

Por Ana Camila Neves Morais


A ReVuln (empresa especializada em serviços de segurança) divulgou nesta semana um vídeo interessante.

Com o título “A TV está olhando você” os pesquisadores da ReVuln mostram uma falha na televisão 3D da Samsung que permite o uso de recursos atraentes.

Com esta falha é possível invadir o aparelho e controlar diversas funções como webcam e canais de televisão.

Além disso, a partir desta falha é possível instalar códigos maliciosos no sistema operacional da televisão e fazer qualquer função presente no seu controle remoto bem como a leitura dos dados caso um pen drive USB esteja conectado à televisão.

Por Ana Camila Neves Morais


O campo de atuação do gigante de buscas Google tem grandes chances de aumentar em pouco tempo, pois a empresa informou investimentos na área de streaming.

Neste ramo, o Google pretende concorrer de forma direta com a AirPlay da Apple criando uma alternativa aberta para o surgimento de interações entre televisores e gadgets.

Para isso, já foram firmadas parcerias entre o Google e diversas empresas para oferecer uma segunda tela na televisão com os devices surgindo em um fluxo de dados nos aparelhos móveis e nos televisores.

Fonte: 9to5Google

Por Ana Camila Neves Morais


Neste dia 08 de dezembro de 2012 foi noticiada a decisão da Justiça Federal de Santa Catarina que determinou uma maior restrição para propagandas de bebidas alcoólicas.

Segundo a decisão do juiz Marcelo Borges, a publicidade de bebidas com teor de álcool a partir de 0,5º GL deverão ser feitas apenas depois das 21 horas.

Dentre as justificativas do magistrado estão a proteção à saúde pública e evitar o incentivo do uso de bebidas por crianças.

No entanto, a AGU (Advocacia Geral da União) já informou que irá recorrer desta decisão.

Por Ana Camila Neves Morais


Mais uma novidade está próxima de chegar no mundo dos eletrônicos, pois a Foxconn pode estar produzindo telas de Ultra HDTV com mais de 130 polegadas.

Esta informação vem do site DigiTimes segundo o qual esta super tela deve ser lançada no ano de 2013 pela empresa asiática.

No entanto, estas notícias foram desmentidas pelo vice-presidente da Foxconn – Jeng-WuTai – o qual argumentou que a empresa não pretende interferir na linha Chimei Innolux (CMI) que produz aparelhos com qualidade Ultra HDTV.

Sobre esta questão, a Foxconn já iniciou a venda de uma televisão feita em parceria com a Sharp que possui uma tela de 60 polegadas.

Ainda de acordo com Jeng-WuTai a empresa deve investir durante o ano de 2013 em produtos com qualidade Ultra HDTV, mas que não vão interferir na produção da CMI .

Por Ana Camila Neves Morais


Os investimentos da Microsoft estão cada vez mais diversificados e o próximo empreendimento da empresa de Bill Gates será a atuação em streaming de programas de televisão que será feito por nuvem.

Esta inovação possui o nome de Microsoft Interactive Entertainment Business que tem como função administrar toda a área de lazer da empresa e que já está à procura de funcionários para o desenvolvimento do programa chamado “Cloud TV”.

Nesta nova idéia, a Microsoft irá buscar estratégias para a criação de servidores destinados a uma nova plataforma de televisão com base na nuvem já que este é um ramo com um bom crescimento na atualidade.

Além da Cloud TV, a Microsoft possui ainda aparelhos interessantes para o entretenimento como o Kinect, Zune, Xbox Live, Mediaroom e Xbox 360.

Por Ana camila Neves Morais


 

A Sharp aproveitou alguns dos principais eventos do ramo de tecnologia que vêm acontecendo para mostrar algumas das suas novidades, que chegará ao mercado nesses próximos meses. Dentre as principais novidades da empresa está a primeira linha de televisões em 3D com 80 polegadas, chamada de: LC-80LE844U. Será a primeira televisão que vai utilizar a tecnologia Quad Pixel Plus da Sharp. Assim, a tv promete imagens mais reais e definidas, já que a novidade foi desenvolvida pensando na forma como o cérebro humano processa as informações. Outras funcionalidades poderão ser vistas, como a  tecnologia Wifi, para comunicação com outros equipamentos, além de quatro portas de HDMI e uma nova interface desenvolvida exclusivamente para as televisões da Sharp. A previsão é que a TV em 3D de 80 polegadas chegue no mercado dos EUA no mês que vem.


A Samsung, fabricante de eletrônicos em geral, lançará ainda este ano, no Brasil, a televisão SmartTV de 32” com tecnologia 3D. Terá acesso à internet e redes sociais como facebook, Orkut e twitter. E com a comodidade da conexão Wi-Fi. Um bom diferencial dessa TV, diz respeito ao seu Web Browser equivalente a um navegador comum de PC, garantindo assim, a mesma utilização.

Com a SmarTV haverá a possibilidade de assistir a streaming de filmes pelo navegador, e também comprar os lançamentos destes. Tendo a flexibilidade de fazer uso de smartphone ou tablet para controlar a TV, além do controle remoto.

Da mesma forma que no iPad e outros aparelhos, a SmartTV oferecerá apps para vários tipos de aplicações. O modelo de 32” custará R$ 2.700,00 e a de 60” terá o valor de R$ 14.000,00.

Por Gilvani de Oliveira


A nova TV Cinema 3D LW 5700 é um dos destaques entre os lançamentos da LG que vão chegar ao mercado brasileiro em 2011. O aparelho vem com a promessa de causar menos desconforto visual para quem assiste à programação em três dimensões durante um longo período.

Para isso, a fabricante coreana utilizou a tecnologia FPR (Film Patterned Retarder), semelhante à das salas de cinema. A FPR separa as imagens que chegam a cada olho, através de um filtro de polarização, melhorando a sensação de realismo e a quantidade de brilho, além de acabar com o efeito flicker (imagem piscando).

Desta forma, o espectador vai precisar dos óculos passivos, que são mais simples, leves e baratos, pois não possuem qualquer artifício eletrônico. Além disso, a profundidade é garantida, independente da posição em que se estiver (sentado ou deitado).

Algumas das outras novidades da LW 5700 são o conversor de imagens (2D para 3D) e a função Smart TV, através da qual a TV se conecta à internet e disponibiliza acesso a vários conteúdos, como vídeo sob demanda, loja de aplicativos e até um navegador, com acesso liberado a qualquer site.

O preço ainda não foi definido pela LG.

Por André Gonçalves


A tecnologia 3D que recentemente chegou às televisões não pára por aí, a Toshiba promete ainda para 2011 o lançamento de mais uma que poderá ser a nova febre entre os amantes de eletrônicos: trata-se de uma televisão que possui efeito tridimensional, mas dispensa o uso dos famosos óculos especiais, o que garante mais conforto ao assistir a sua televisão.

A preocupação fica em torno do investimento que o brasileiro terá que fazer para adquirir esta novidade, isso quando finalmente chegar ao Brasil. A esperança é de que a concorrência das fábricas que querem lançar esta novidade primeiro, faça baixar os preços para os consumidores.

Além da Toshiba, a Sony, LG e Panasonic apresentaram seus potencias para lançamento das tv’s 3D com tamanho de tela entre 50 e 60 polegadas. Quem não quer ter um cinema dentro da sua própria casa?

Confira um vídeo de apresentação dessa tecnologia: assistaaqui.

Por Vivian Fiorio


A marca Bang & Olufsen se destaca mundialmente pela qualidade seus equipamentos de som. Mas a empresa vai além e produz também TVs com design fantástico e áudio de primeira. É o caso da linha Beovision 10, vendido em tamanhos de 40 e 46 polegadas tem apenas 3 cm de espessura, vem com suporte para o chão, ou para a parede, com um sistema giratório motorizado.

Aliás, ao ser colocada na parede, a Beovision 10 pode ser facilmente confundida com um quadro. Abaixo da tela, capaz de exibir imagens em alta definição, fica um painel que serve apenas de decoração, que pode exibir diversas cores.

Enfim, a Beovision 10 é ideal para quem procura uma TV de alta qualidade e também sirva para abrilhantar o ambiente.

Por Maximiliano da Rosa


Muitos se perguntam o que tem de tão inusitado na televisão 3D para chamar a atenção de todos e o que ela realmente oferece de tão tecnológico.

A primeira ideia em mente quando se fala em 3D é com relação ao uso de óculos coloridos para ver as imagens saltarem da tela e provocarem emoções no telespectador. É isso mesmo, ela fornece efeitos de imagem mais próxima da realidade da visão humana e alta definição.

Mas ainda não oferece tantas vantagens com relação a outros modelos existentes no mercado pelo fato de ser extremamente cara por um preço que varia entre R$7.000,00 e 17.000,00, exige o uso de óculos especiais, além do esforço que os olhos precisam fazer para focar a imagem o que deve cansar a vista após um longo período.

Por Aline Barbosa

Fonte: Saiu no Jornal, Portal R7


Um recurso muito interessante presente nas novas TVs lançadas este ano é a possibilidade de acessar conteúdo da internet direto na tela do aparelho, dispensando o uso de um computador. Os primeiros televisores do Brasil a possuir o recurso foram os da Samsung.  Através de um acordo com o portal Terra, o usuário tem acesso à notícias e vídeos, precisando apenas de uma conexão à internet de banda larga.

A Samsung não é a única empresa a oferecer essa possibilidade. A LG é outra empresa a dispor de tecnologia semelhante. Assim como a Sony, que seguiu o caminho da Samsung, firmando parceria com outro grande portal brasileiro, o iG, para oferecer conteúdo de vídeo na sala de estar.

A tendência é que todas as grande marcas de TV sigam esse caminho, e cada uma ofereça uma opção diferente. O certo é que a internet via televisão é um recurso que veio para ficar.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: iG


Desde sexta-feira passada (15/04), a Sony está realizando demonstrações da tecnologia 3D em TV. A primeira parada do RoadShow (caravana) da nova BRAVIA 3D da Sony  começou em São Paulo, no Shopping Bourbon.

“A resolução Full HD 1080p em 3D vem acompanhada da tecnologia BRAVIA Engine 3, que torna os tons de preto mais próximos da realidade e reduz os ruídos da tela proporcionando imagens mais nítidas”, revela o site da empresa.

Sony Style, do Shopping Bourbon, fica na rua Turiaçu, 2100, piso Perdizes, São Paulo, SP. A visitação acontece todos os dias, as 10h às 22h. Para saber se sua cidade está na caravana da Sony, acesse aqui.

Para conhecer mais sobre a TV 3D Bravia, acesse aqui .

Por Diógenes de Luna


A Samsung alertou, recentemente, sobre riscos à saúde devido à visualização de imagens em terceira dimensão em aparelhos de televisão.

“Alguns espectadores podem sofrer ataques epiléticos ou acidente vascular cerebral (derrame) quando expostos a determinadas imagens ou luzes piscantes, contidas em alguns filmes de televisão ou em certos jogos de videogame”, revela o anúncio da empresa coreana.

Os sintomas mais notáveis são visão alterada, atordoamento, tontura, movimentos involuntários, confusão, náuseas, perda de consciência, convulsões, câimbras e desorientação. Crianças e adolescentes são os mais suscetíveis a sentir tais efeitos.

O documento divulgado pela Samsung pode ser encontrado, em inglês, aqui.

Por Diógenes de Luna


Isso será possível em breve, talvez ainda este ano. A tecnologia para tornar possíveis as video conferências através da televisão, está sendo testada pela Skype. As marcas envolvidas no desenvolvimento da tecnologia são a Panasonic e LG. Cerca de 5 milhões de aparelhos com a nova tecnologia incorporada sairão de fábrica ainda este ano.

Ao mesmo tempo a empresa de telefonia VOIP anunciou que dará suporte à vídeo em alta definição para computadores com Windows. Para tanto alguns requisitos básicos deverão ser cumpridos.

O usuário precisará de uma webcam HD, um processador com pelo menos 1,8 Ghz, e conexão banda larga com velocidade de 1 Mps tanto em download como em upload (vale lembrar que normalmente a velocidade de upload oferecida nos planos atuais é limitada a um quinto da de download).

Por Maximiliano da Rosa


Ocorreu no dia 14/03, a Fórmula Indy, que voltou a se apresentar em terras brasileiras após quase uma década. O evento automobilístico teve largada no Autódromo do Anhembi, em São Paulo.

Os fãs da categoria puderam contar com a presença de vários brasileiros na pista, entre eles Tony Canaan e Hélio Castroneves. Outro atrativo ficou por conta da transmissão realizada pelas NET e Rede Bandeirantes, que exibiram a corrida em Alta Definição e em 3D.

Alguns fabricantes de televisores aproveitaram para realizar demonstrações de seus novos aparelhos com tecnologia HD3D. Em camarotes especiais diversos convidados puderam conferir de perto as novidades como será a televisão do futuro rpóximo.

Painéis de LED localizados na parte externa do autódromo permitiram ao público assistir à corrida em alta resolução. O ponto negativo ficou por conta da chuva que atrapalhou o andamento da disputa.

A corrida foi vencida por Will Power.

Por Maximiliano da Rosa


Realmente é muito bom assistir televisão, e também é ótimo poder ter opinião própria para poder fazer o que é certo.

Analisaremos a questão da moda ditada pela televisão. Não discordo de que a televisão vende uma imagem de sucesso, pois afinal ela é um meio de comunicação e como meio de comunicação tem que fazer anúncios para poder “sobreviver”. A TV pode até influenciar uma pessoa a comprar aquilo ou se vestir como aquela pessoa que aparece na telinha, contudo nós somos seres livres e principalmente pensantes que podemos fazer as nossas próprias escolhas.

Se as pessoas não conseguem “resistir à tentação”, não culpe o outro e sim tente mudar. A televisão não nos obriga a comprar nem a usar nada, apenas ela vende alguma coisa. O ser humano é um ser racional que pode pensar e agir, ser independente, ter a sua própria opinião, sem ser influenciado por ninguém.





CONTINUE NAVEGANDO: